Nuss… E Agora?!?

9out/091

Curiosidade: Como anda um Meme?

Você já parou para pensar o quanto andou (e o quanto mais vai andar) aquele meme do qual você participou? É, eu também não tinha parado até esses dias, quando resolvi saber por onde andava o meme que eu criei, o Game Design ao Extremo.

Categorias: Meme Leia mais...
5ago/090

Meme: Game Design ao extremo

Por lembrar de alguns jogos que o Dauto me recomendou durante esses meses, resolvi fazer um meme baseado no artigo de ontem. As regras são simples:

  • Liste quantos jogos em Flash quiser. Preferencialmente aqueles que, por algum motivo de design chamaram sua atenção.
  • Diga o que desses jogos te chamou a atenção, seja em quantas linhas quiser.
  • Repasse para outros blogs.

Começando a brincadeira, chamo o próprio Dauto, o Diego, o Ricardo, o Flausino e o Bruno. A minha lista você encontra aqui.

28dez/081

Meme: Aleatoriedades

Outro convite para um meme vindo do Flausino. Desta vez, o convite é para seguir as regras abaixo:

  1. "Linkar a pessoa que te indicou.
  2. Escrever as regras do meme em seu blog.
  3. Contar 6 coisas aleatórias sobre você.
  4. Indique mais 6 pessoas e coloque os links no final do post.
  5. Deixe a pessoa saber que você o indicou, deixando um comentário para ela.
  6. Deixe os indicados saberem quando você publicar seu post."

Segue abaixo a minha lista de coisas aleatórias

  1. Já parei e voltei a frequentar a academia umas 3 ou 4x;
  2. Não gosto de jogos vazios: prefiro gráficos ruins com história e jogabilidade boas que o contrário;
  3. Não baixo as fotos da minha câmera há coisa de 8 meses. Já tem gente querendo roubá-la de mim por causa disso xD;
  4. Vou passar meu reveillon em Cabo Frio;
  5. Gosto muito e, sempre que posso, compro jogos originais;
  6. Estou assistindo Billy, Mandy e Puro Osso enquanto escrevo a 6a aleatoriedade;

Nossa, isso foi realmente aleatório. Mais aleatório que isso só a lista de convites: CrociMário, Diego, Rafael, Duda e Aryel. Acho que é isso, gente. Até a próxima!

Categorias: Meme 1 Comentário
1nov/080

Meme – Que cosplay de personagem de games você vestiria para uma festa/evento?

O Rodrigo Flausino me chamou para o meme "Que cosplay de personagem de games você vestiria para uma festa/evento?". Muita gente frequenta festas à fantasia, não necessariamente como personagens de videogame mas principalmente de desenhos animados. Como não seria diferente, o mesmo aconteceu comigo. Começando com os jogos, já saí de Luigi numa festa. Foi muito maneiro, diga-se de passagem. Não sei se contaria, mas também já fui de Quail Man, Presto e, na última, de Duffman. Apesar da de Luigi ter feito muito mais sucesso (por quê será, né? ), a  melhor fantasia das 4 foi, sem dúvidas, a do Duffman.

Em todos os casos não chegou perto de um cosplay: não houve interpretação de personagem nem pelo ambiente da festa nem pela minha vontade, nem sei se gostaria de enfrentar um evento assim.

PS.: Um dia eu terei essa fantasia aqui:

link

Para mais informações sobre cosplay, visite a wikipedia.
Imagem do blog noreset.net

Categorias: Meme Sem Comentários
22set/086

Meme: Wordle It

Vi no DiskChocolate (e, posteriormente, no Flausino e no Gamer Brasilis também). O negócio é o seguinte: eu me amarrei e, como a MiWi disse um "você" para quem estava sendo convidado pro Meme, senti-me no direito de participar também! A idéia é definir a cara do seu site através do Wordle, um site-aplicação que lê uma página ou um site inteiro e monta um mosaico com as palavras mais usadas no endereço indicado. Para ficar bem completo eu eu usei o feed aqui do Nuss. Ele ficou assim, ó:

Wordle

Show, né? Eu só acho que ele deu muita importância às palavras dos últimos artigos... olha esse Earthworm aí, tá muito grande. Personagem eu ja esperava, mas esperava também coisas como "padrões", "projeto", "programação", "classes" e outras. Bom, de qualquer jeito, agora eu convido o Mário (dessa vez pelo Sarcófago)  para fazer o mesmo (vamo ver se ele atualiza aquilo lá com mais freqüência!) e, se quiser, você também pode.

Categorias: Meme 6 Comentários
25ago/081

Meu Brawler: Boogerman

BoogermanTaí. Quando você acha que já viu de tudo, algum Game Designer maluco resolve mostrar o quão errado você está. É nessa hora que ele traz uma papelada estranha, com um cara vestido de verde que trucida seus adversários com tudo o que é de mais nojento para a mente do ser humano. É nesse momento que vem à vida um dos mais estranhos personagens do mundo dos videogames: Boogerman.

O cara é um excêntrico chamado Snotty Ragsdale que, em suas horas vagas, assume a máscara de Boogerman. Nada melhor que o herói (será que posso chamá-lo assim?) para invadir os Pântanos Flatulentos, Boogerville e as Cavernas Nasais atrás do ladrão de uma máquina que transferiria toda a poluição do nosso mundo para uma outra dimensão.

Sim, a premissa do jogo é simples. Aliás, chega a ser arquétipa. Porém, o que chama a atenção é o personagem que consegue ser carismático e engraçado mesmo do alto de sua montanha de coisas nojentas e que, tecnicamente, gerariam completa aversão. O jogo é daquele tipo de desafio caricato que há tempos não vemos no mercado.

Seu design completa essa caricatura, trazendo inúmeras readaptações de seus poderes escatológicos: melecas, catarros e puns para todos os lados, em novas e divertidas formas. Pelo seu tamanho, resolvi deixar Boogerman pesado e desengonçado em terra. Isso não reflete exatamente o que ele é em seus jogos de plataforma, uma roupagem é mais versátil e rápida, e sim sua aparição em Clayfighter 63 1/3. Ah, por fim, para o jogo, os ataques de Boogerman realizados com os esgotos

Mas, se mesmo depois disso tudo, você ainda prefere personagens vazios com bilhões de polígonos, faça-se um favor e vá conhecer Boogerman. Aliás, não só ele como Bubsy; Sparkster; Bomberman; Joe & Mac; Aero, the Acro-bat; Firebrand; Jazz Jackrabit. Melhor ainda, vá jogar toda a coleção de jogos de 16 bits. Afinal de contas, numa época onde os jogos parecem iguais, por que não buscar inspiração olhando para trás?

20ago/080

Meu Brawler: Pimple

pimple.jpgPara quem não conhece,a história de Battletoads é bem simples. 3 colegas de quarto (David Shar, Morgan Ziegler e George Pie) trabalhavam numa empresa e testaram o jogo original Battletoads em uma espécie de realidade virtual. Suspeitando de seu chefe e do programador principal do jogo, eles resolvem investigar o escritório do cara e encontram o jogo lá, dando sopa. Quando resolvem testar o maldito, são transportados para outro planeta e transformados em sapos antropomórficos. Simples, não?

A série é conhecida por grande dificuldade e arte característica. É completamente cartunizada,  com exageros que chamam atenção. Os sapos podem transformar seus membros para realizarem os ataques finais nos adversários, então não é difícil ver braços virando bigornas ou pés virando botas gigantes.Os personagens são dotados de características psicológicas que refletem em sua forma de batalha, o que é raro em jogos da época.

Pimple, o grandão de pele marrom que um dia foi George Pie e agora é o alvo do design, realiza ataques amplos e arrasadores, sempre baseando-se em coisas pesadas como martelos, bigornas ou pedras. Essas regras foram seguidas à risca no desenvolvimento dos novos ataques, utilizando o tamanho acima da média do personagem como força principal. Além disso, o personagem mantêm seus movimentos característicos.

Battletoads tem a cara de Smash Bros: personagens cômicos com ataques exagerados e muito carisma. Não havia como um dos Toads ficar fora da lista.

16ago/081

Meu Brawler: Magus

MagusInicialmente, quando tive o 1o insight sobre Chrono Trigger, eu pensei na hora em fazer o design de Crono, o personagem principalda série. Crono tem vários ataques que se encaixariam perfeitamente em Brawl, está na mídia, tem estilo. Mas, com o tempo, percebi que Crono seria MAIS UM espadachin em Brawl (Marth, Ike, Metaknight, Link, Toon Link e, se formos pensar bem, também Pit), além de seus ataques serem muio parecidos com os de Pikachu. Foi então que eu lembrei desse aí do lado, O CARA do Chrono Trigger: Janus.

"Mas hein?! O design não é do Magus???" Sim, mas todos aqueles que jogaram Chrono Trigger sabem que o nome verdadeiro de Magus é Janus. Ele vivia no seu reino de magia no alto das ilhas flutuantes em 12.000BC até que Zeal, sua rainha maluca resolve evocar Lavos, um parasita que chegou ao planeta em épocas pré-históricas e está usando a energia dele para evoluir e criar outros parasitas para, assim, continuar o ciclo. A idéia dela era controlar o poder de Lavos, mas o negócio não sai tão bem quanto ela achava que sairia: Lavos acaba destruindo o planeta quse que por completo, restando somente alguns poucos sobreviventes.

Durante essa destruição, Janus (ainda criança) e sua irmã, Schala, são sugados por portais temporais e lançados em diferentes eras. Janus é criado e treinado por Ozzie, mas seus poderes são tão grandes que torna-se um grande mago cuja única missão é reencontrar sua irmã Schala.

Apesar de todos os personagens de Akira Toriyama possuírem sempre o mesmo físico schwarzeneggeriano, Magus está longe de ser um forte lutador. No própiro jogo Magus já mostra suas habilidades como um grande usuário de magia e de físico inferior e foi assim que eusegui seu design. Fiz Magus como um personagem cuja maior preocupação é manter-se distante dos adversários, dando a ele uma grande amplitude de ataques (2m de segadeira, né gente...), mas pouca velocidade. Seu maior trunfoé, sem dúvidas, a magia que aumenta consideravelmente o dano de seus ataques. Por seu acesso a magias de fogo, gelo, eletricidade e sombra, Magus torna-se um personagem que derruba qualquer tipo de adversário.

11ago/080

Meu Brawler: Earthworm Jim

Earthworm JimO que acontece quando um corvo perde uma roupa super poderosa em uma batalha estrelar e ela cai em cima de uma minhoca comum que estava fazendo suas coisas de minhoca? A resposta é fácil: nasce o jogo mais maluco e estiloso de toda a minha adolescência. Earthworm Jim tem estilo, um visual incomum, um ótimo game design, um humor próprio e uma obsessão por vacas. Precisa de mais?

O jogo foi desenvolvido pela Shiny Entertainment e lançado para diversos consoles, como Mega Drive, Master System, Snes e Game Boy. Acha pouco? Foi ele o 1o dono de um 100% na revista GamesMaster e está entre os 200 melhores jogos que já apareceram em um sistema Nintendo segundo a Nintendo Power.

A base principal do design para Earthworm Jim veio dos jogos de ação da série Earthworm Jim, algo em torno de 85% dos ataques, personagens e animações. Alguns poucos ataques foram inspirados em sua aparição no jogo de luta Clay Fighter 63 1/3. O restante das características (poucas) vieram do desenho animado do personagem, como frases que ele costuma dizer. Jim não foi dos primeiros que vieramà minha cabeça, mas fico absurdamente feliz em tê-lo na lista: o personagem e seu ambiente são tão ricos que me deixaram com saudades. Há muito tempo não vejo um jogo tão bem estruturado assim.

7ago/082

Meu Brawler: Mega Man

Mega ManOu, se preferir, Rockman (seu nome japonês) foi criado lá por 1987 por Keiji Inafune, sendo o personagem principal da série que leva seu nome, desenvolvida pela Capcom desde então. O personagem é um dos mais importantes personagens da companhia e um dos mais principais da indústria de jogos, tanto que a série deu várias crias, como Mega Man X, Mega Man Power Battle/Fighters, Mega Man Zero, Mega Man.EXE...Sua história não muda muito que sistematicamente melar os planos do Dr. Wily, destruindo seus robôs em diversos ambientes. Wily, ironicamente, foi parceiro do seu criador, Dr. Light.... O QUE!?? Você não sabia que o Mega Man é um robô?!? EM QUE PLANETA VOCÊ ESTEVE NESSAS ÚLTIMAS DÉCADAS?!?!

A principal característica do personagem é a capacidade de copiar as habilidades de seus inimigos e usá-las contra eles próprios, receita também presente no personagem Kirby. Como isso é extremamente importante, preferi abrir mão do sistema de armas prontas do Marvel vs. Capcom e adotar o sistema de cópia de habilidades do Kirby.

Mega Man foi um dos personagens que eu esperava ver em Smash Brawl e, de coração, fiquei triste em saber que ele não estaria presente. Não que eu não goste do Snake, mas o Mega Man tem muito mais a cara do jogo ;) . Aliás, falando em "cara", esse design baseia-se completamente nos jogos da série Mega Man do NES e nas suas aparições nos jogos da série Marvel VS. Capcom. Tentei reproduzir cada aspecto do personagem, incluindo para isso personagens participantes de suas aventuras, como o cão Rush, o pássaro Beat e o contêiner ambulante Eddie.